"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

terça-feira, 12 de maio de 2015

"Caos"


Fotografia da Facepage Fabrica de Escrita

Há um momento na vida
de terror definitivo,
de fracasso tremendo,
de sangrar a ferida.
Nada rende,
não há remendo,
nem consolo,
nem saída;
luta perdida.
A lágrima não significa,
o amor cruza os braços,
a saudade diz que vai,
e fica.

Ivone Boechat

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

"Encontro"

Imagem: Google

Era uma dessas mulheres que não se usam mais.
Vestes de trevas e vidrilhos.
Cabeleira trágica.
Olheiras suspeitas.
O grito horizontal da boca surgiu da noite.
Sumiu pela última porta do poema.

Mario Quintana 
in Esconderijos do Tempo



Menino ganhando sapatos da Cruz Vermelha - fonte: CONTI outra

Pelo sonho é que vamos,
comovidos e mudos.
Chegamos? Não chegamos?
Haja ou não haja frutos,
pelo sonho é que vamos.
Basta a fé no que temos.
Basta a esperança naquilo
que talvez não teremos.
Basta que a alma demos,
com a mesma alegria,
ao que desconhecemos
e ao que é do dia a dia.
Chegamos? Não chegamos?
– Partimos. Vamos. Somos.

Sebastião da Gama


quinta-feira, 8 de maio de 2014


Fotografia de Samad Ghorbanzadeh

Essa minha secura
essa falta de sentimento
não tem ninguém que segure,
vem de dentro.

Vem da zona escura
donde vem o que sinto.
Sinto muito,
sentir é muito lento.

Paulo Leminski


"Conquista"


 imagem: google

Livre não sou, que nem a própria vida 
Mo consente. 
Mas a minha aguerrida 
Teimosia 
É quebrar dia a dia 
Um grilhão da corrente. 
Livre não sou, mas quero a liberdade. 
Trago-a dentro de mim como um destino. 
E vão lá desdizer o sonho do menino 
Que se afogou e flutua 
Entre nenúfares de serenidade 
Depois de ter a lua!

Miguel Torga



Desconheço a autoria da imagem

(Cada dia entendo menos)
Não entendo nada da vida.
Cada dia que avança entendo menos da vida.
Contudo, há horas, as horas perdidas - e só essas - que queria tornar a viver e a perder.
Deus, a vida, os grandes problemas, não são os filósofos que os resolvem, são os pobres vivendo.
O resto é engenho e mais nada.
As coisas belas resumem-se a meia dúzia: o teto que me cobre, o lume que me aquece, o pão que como, a estopa e a luz.

Raul Brandão 
em Memórias, I


"Vulnerabilidades"


Fotografia de  Lina Ianeva

folhas caem
ao mais leve sopro
iguais as pessoas
muito preocupadas
com o olhar dos outros

líria porto



Imagem: Facepage Colors For You

cresce espontaneamente
de uma hora pra outra
por todos os lados

amor é erva-daninha

Julianna Motter


"Girândola"


Imagem: facepage Colors For You

os mil mundos
que moram em mim
orbitam em sol
solfejam em si

são acordes
quando durmo
são sonares
quando aprumo

Rogério Santos


"Ilhados"


Imagem: photographerforlove.tumblr.com

cercados de poesia
por todos os lábios

líria porto


Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página