"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quinta-feira, 23 de março de 2017

Dorme, amor


Arte de Ibuki Satsuki 

Dorme, amor!...
Uma estrela nascente 
Treme, suave, quando vem o vento leve. 
Vibrando com o frio, o portão 
Desenha os seus contornos no crepúsculo. 

 Dorme!... Esta noite serei uma pomba, 
Descerei, leve, sobre a tua cortina, 
Para sobre o peito te cruzar as asas, 
E sem ruído,depois, te abraçar.

  Illé Tuktash 
 (trad. Maria Etelvina Santos)


Um comentário:

Victor Barão disse...

Cara, amiga, Dalva/Flor

Não necessita publicar este comentário, mas deixo ao seu critério publicá-lo ou não. No caso para eu dizer que: não tenho autoridade para lhe pedir que regresse breve, porque eu mesmo por vezes ausento-me daqui por semanas ou mesmo meses; tal como não tenho autoridade para estranhar que não se comente aqui neste seu maravilhoso Interlúdio, quando eu mesmo passo tempo sem o fazer.

Mas de qualquer modo, eu que sigo este Interlúdio, faz já anos, numa primeira fase a partir dum meu outro Blogue que não o presente "receber e dar", não posso deixar de achar em falta que a Dalva passe meses sem publicar algo novo e que ainda assim quando publica não haja quem comente. Isto quando eu tenho este seu Interlúdio, desde sempre, como um dos mais belos Blogues que conheço e sigo.

De entre o que há um factor que sobressai para mim, que é o facto de que, aquém e além de comentários ou de não comentários, acima de tudo, seja qual for o motivo que leva a Dalva a não publicar mais amiúde, da minha parte espero e desejo que esse motivo seja tão ou mais positivo quanto vir aqui partilhar bela poesia connosco.

A partir de que com sentidas e amistosas saudações desde Portugal, deixo o voto de que volte breve ou se assim lhe for naturalmente dado fazer, mesmo que com pena minha, nem volte, mas em qualquer caso seja Feliz, estimada Dalva/Flor

Beijo

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página