"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quarta-feira, 29 de julho de 2009

"Soneto"

.
.
Eu queria chorar pelos que não choram.
Eu queria chorar pelos olhos secos,
Pelos olhos que são fontes
Onde as mágoas se purificam e se libertam.
.
Eu queria chorar pelos corações feridos
E que sangram obscura e silenciosamente.
Eu queria chorar pelas almas mártires
Que estão invisivelmente entre nós.
.
Eu queria chorar pelos indiferentes
E pelos que escondem num sorriso
As decepções de uma incompreendida bondade.
.
Eu queria chorar pelas almas fechadas,
Pelas almas que são como os desertos
E que não conhecem a libertação das lágrimas!
.
Augusto Frederico Schmidt
.

8 comentários:

Ana Tapadas disse...

Amiga:
Que bom que voltaste a permitir comentários, já estava com saudade!
espero que o trabalho tenha abrandado e que a saúde tenha melhorado!
Lindo o poema e suave a música.
Beijinho

A Palavra Mágica disse...

Flor,

É com grande prazer que, não "A Palavra Mágica", mas eu, Alcides, venho te visitar!

Tudo está lindo por aqui.

A música é maravilhosa.

Um beijo amiga Flor!
Alcides

Helena Arruda disse...

Sim Flor querida, todos sentimos a tua falta por aqui... ainda bem que temos o Interlúdio tão lindo, sempre!

Beijinhos!

Flor ♥ disse...

Oi querida amiga Aninha... senti muitas saudades deste nosso convivio poético! O trabalho continua o mesmo de sempre, mas a saúde graças a Deus está restaurada!

Beijo enorme prá ti!

Flor ♥ disse...

Meu doce poeta Alcides, a saudade de vocês bateu forte... e é muito bom estar de volta a esse convivio tão sincero!

Beijos, querido amigo!

Flor ♥ disse...

Helena, sem palavras com tanto carinho de vocês...

Flavio Ribeiro disse...

Em grande estilo os olhos secos de A. F. Schmidt, muito tocante!

Como sempre uma bela escolha, querida Flor!

Uma noite excelente prá ti!

Flor ♥ disse...

Flavio,

Que bom que partilhamos este gosto por A. F. S.

Beijo grande, amigo!

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página