"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quinta-feira, 18 de março de 2010

"Para atravessar contigo o deserto do mundo"

.
.
Para atravessar contigo o deserto do mundo
Para enfrentarmos juntos o terror da morte
Para ver a verdade para perder o medo
Ao lado dos teus passos caminhei

Por ti deixei meu reino meu segredo
Minha rápida noite meu silêncio
Minha pérola redonda e seu oriente
Meu espelho minha vida minha imagem
E abandonei os jardins do paraíso

Cá fora à luz sem véu do dia duro
Sem os espelhos vi que estava nua
E ao descampado se chamava tempo

Por isso com teus gestos me vestiste
E aprendi a viver em pleno vento
.
Sophia de Mello Breyner Andresen

.

5 comentários:

Mateus Araujo disse...

Nossaaaa levitante!!!

Ana Tapadas disse...

Querida Flor! Querida Sophia!
Boa noite amiga.
bjs

Sonhadora disse...

Minha querida
Lindo poema, gostei muito.
Deixo-te um beijinho.
Sonhadora

Agulheta disse...

Lindo Flor! Que dizer das palavras de Sophia Mello Bryner,cada palavra um sentimento.
Beijinho Lisa

DILERMArtins disse...

Mas bah, Flor.
Te digo, obrigado, muito obrigado por compartilhar os versos de Sophia.

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página