"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

"Garça"


A palavra garça, em meu perceber é bela.
Não seja só pela elegância da ave.
Há também a beleza letral.

O corpo sônico da palavra
E o corpo níveo da ave
Se comungam.

Não sei se passo por tantã dizendo isso.
Olhando a garça-ave e a palavra garça
Sofro uma espécie de encantamento poético.

Manoel de Barros

Imagem: Fotografia de Luis.impa

2 comentários:

Ana Tapadas disse...

Estranhas as garças, belo o poema.
Beijinho, amiga

Agulheta disse...

Flor! Adoro garças e de certa forma aves.O poema elegante onde a garça é a beleza.
Beijinho de amizade

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página