"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

"Magia"

.
.
Poeta, sonho :
ao som de violinos
tangidos por anjos alados,
casaremos na Torre Eiffel.
.
Poeta, invento :
no dorso de um pássaro,
voaremos pela cidade,
entre as folhagens,
rumo ao céu.
.
Poeta, crio :
um sol de agosto,
amarelo, imenso,
na mágica e luminosa Paris.
Chagall me a(s)cende.
.
Neide Barros Rêgo

5 comentários:

Sonia Regly disse...

Florzinha,
Lida poesia!!! Adoro vir aqui,revigora a alma!!!Beijinhos

A Palavra Mágica disse...

Flor,

As palavras desse poema são verdadeiras imagens. Lindo!

Beijos!
Alcides

Bipede Implume disse...

Pois é Paris é uma cidade linda.
Este poema tem esse sabor, para mim, pois conheço esta bela cidade.
Que bom recordá-la aqui.
Beijinhos.

lyani disse...

Que belíssima poesia!
Adorei!
Bjos e feliz 2009!
Desculpe o sumiço.
Ly

Suspiros do Silêncio disse...

Ah! Poeta... Faze-nos navegar num mar de palavras...

Lindo poema.

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página