"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

"Poemas do Fogo" - Tertúlia Virtual

.
Esta é a primeira vez que estou participando do TERTÚLIA VIRTUAL, e o tema deste mês é FOGO.
.
.
E como a paixão é um dos símbolos do FOGO, publico hoje uma série de poemas que têm como tema a paixão, o desejo... enfim, esses sentimentos arrebatadores que nos traz o Amor! Todos os poemas são de autoria de Lígia Gomes Carneiro
.
....................................................................................
DESEJO
.
.
O meu desejo apareceu
Assim de repente,
Como quem pressente
Que já é tarde,
E que vai morrer.
Como se a vida
Me sussurrasse
Uma despedida,
E o último presente
Que ela me desse
Fosse você
.
Lígia Gomes Carneiro
.
..................................................................................
INCÊNDIO

.
Lígia Gomes Carneiro
.

........................................................................................
FILHA DILETA

. .
Filha dileta do encontro das águas com as areias,
Repito há muito tempo o canto das sereias.
(Não o sigas, marinheiro, não o sigas,
embora eu saiba que teu corpo se incendeia).
.
Filha amarga do encontro dos fogos com as madeiras
Vivo de alimentar o fascínio dos incêndios.
(Não os apagues, homem quieto, não os apagues,
Embora seja isso o que mais anseias).
.
Filha distante do encontro dos homens com as estrelas,
Conheço de cor distâncias e espaços,
Incorporei universos ao romper meus laços,
Visitei mundos entre humanos braços
(Não me sigas, homem estranho, não me sigas,
são rumo à morte os meus serenos passos).
.
Lígia Gomes Carneiro
.
.....................................................................


.
Sinto, na tua pele,
O cheiro da minha febre.
.
(Pegarei fogo, em breve)
.
Lígia Gomes Carneiro
.
....................................................
DANCER



.
Lígia Gomes Carneiro

.........................................................................
POEMA BEM VIRA-LATA
.
.
A gente lida, a gente ama,
A gente encara a vida.
Quando ela morde a gente,
A gente lambe a ferida.
.
Lígia Gomes Carneiro
.
....................................................................................
MANSA LOUCURA
.
.
Muitos se ferem com espinhos.
Eu tenho essa mansa loucura
De me cortar com pétalas.
As coisas todas,
E mais as coisas belas,
Traçam-me talhos.
.
Um sorriso gratuito
Sangra por meses.
Uma cor, especialmente definida,
Contra um céu azul
Pode arder tão fundo
Quanto a pior incisão.
.
Mãos de crianças me laceram,
Gestos de homens me esquartejam
.
Cortada, tenho a alma
Feita aos trapos.
E o coração todo aos pedaços.
.
A minha vida é, sempre, uma
linda colcha de retalhos.
.
Lígia Gomes Carneiro
.
......................................................................
METODO
.
.
Quando eu decidir enlouquecer,
isso com um certo método:
Primeiro, derrubo meu teto
(para que entrem as águas).
Depois, dispo-me das roupas
(para que meu corpo arda).
Por último, esqueço os nomes,
Ruas, estradas e trajetos.
E ficarei íntegra e pura,
Sem laços e sem afetos.
.
Lígia Gomes Carneiro
.
Este post faz parte da Tertúlia Virtual de 15 de janeiro de 2009.

25 comentários:

Tertúlia Virtual disse...

Muito boa esta sua primeira e oportuna participação na Tertulia!
Parabéns ! Lindos poemas, ótimas ilustrações!

Participe sempre!

Chris disse...

Lindo Lindo, amei, amo tudo que envolva temas de Paixão, Amor, sentimentos, e você sempre retrata divinamente.

Um lindo dia pra ti querida

Chris

expressodalinha disse...

Fogo e paixão sempre juntos. Porquê? É só imagem de arrebatamento poético ou o amor acaba sempre se consumindo?

Só- Poesias e outros itens disse...

Fogo e muita paixão transbordando em imagens e palavras.
Gostei das seleções.

bjs.

JU

António Oliveira disse...

Isto é fogo mesmo.
Parabéns

Vanessa disse...

Oi, é minha primeira participação na Tertúlia virtual e estou adorando. Cada post mais interessante q o outro. Abraço

Cris disse...

Adorei o poema "Metodo"...

Beijo, querida

Agulheta disse...

Olá Flor!Gostei do tema e muitos são os poemas de fogo! pois como sou bombeiro nada melhor que o fogo,no bom sentido claro,de signo sou sagitário,regido pelo fogo,do amor sou fã paixão, e clima quente.Que mais te posso dizer... é lindo,já levei o selinho.

Beijinho

Lisa

Eduardo P.L disse...

Dalva,

que bom que tenha gostado do resultado da TERTULIA!

Volte sempre! Todo dia 15.

Bjs

Serena Flor disse...

Que lindos poemas hein!
Belíssima participação minha querida! Bjs.

ery roberto disse...

"Sinto, na tua pele, O cheiro da minha febre".

Poderosa a Lígia!

Flor, você nos deu um belo presente ao chegar na Tertúlia: poesia não precisa de laço nem embalagem. É algo que nos chega aberto e mesmo assim surpreende sempre.

Valeu. Bonito.

Mel disse...

Flor, agradeço pelo selinho, que alegria ser lembrada!
E só mesmo o calor do fogo para nos aquecer nesse período de chuva!!!
:)
Beijos

* Patty Meirelles * disse...

Tem meme pra vc lá no meu blog.
Seu cantinho está lindo!!!!!
Bjssssssss

disse...

Dalva que ótima postagem....pode ser a primeira participação ..mas já chegou com tudo.Parabéns.
Bj

Bipede Implume disse...

Gostei especialmente do "Poema bem vira lata", mas todos são lindíssimos. Levei seu selinho com muito carinho.
Beijinhos.

A Palavra Mágica disse...

Olá Flor,

Já dizia o português:"O amor é fogo que arde sem se ver". E o brasileiro: "Que não seja imortal, posto que é chama".A Ana Carolina e o Seu Jorge complementam: "É isso aí".

Beijos!
Alcides

Adelino disse...

Ótima particiapção. Imagens e textos muito bons de se ler.
Abraços.

Chris disse...

Oi Flor, tem selos pra vc no cantinho.

Bjs

EternaApaixonada disse...

*****

Querida amiga Flor ♥

Como tudo que você faz, lindo!!!!
Parabéns!

"As pessoas com quais convivemos
parecem ser todas iguais, porém só
se diferenciam quando encontramos
nelas determinadas qualidades que
as tornam especiais..."
Você é especial para mim...

Tenha um lindo fim de semana!

Beijos

*****

PS: Tem um selo para você no Sintonias.

*****

Leonor Cordeiro disse...

Estou viajando, com muita saudade dos blogs e das amigas queridas.
Passando para deixar o meu abraço e o meu carinho.

Gaspar de Jesus disse...

Flor Adorei esta sua Postagem sobre o tema FOGO!
Desculpe o atraso...rsrsrs
bjs
G.J.

Cleo disse...

Flor! que lindas poesias e as imagens maravilhosas. belas escolhas. Como sempre este blog respira beleza. Parabéns.

Obrigada pelo selo, já está lá.
Beijos e um maravilhoso domingo.
Cleo

REGGINA MOON disse...

Tudo aqui é de uma perfeição que impressiona...belíssimo espaço!
Parabéns!!!

Reggina Moon

* Patty Meirelles * disse...

Agradeço o carinho de sua visita.
Tem selo pra vc lá no blog.
Bjão e boa semana!!

Fran disse...

Parabéns, vc conhece o valor das palavras e as trata muitíssimo bem...fico feliz por apreciar tamanha beleza...
Só alguém com uma alma bela para exteriorizar tudo isso...

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página