"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quarta-feira, 30 de junho de 2010

"Do Lado Mais Calado do Tempo"

.
photograph
Fotografia Walker Evans, 1936
.
Do lado mais calado do tempo
podemos falar das mãos das mães,
tão frágeis, quando trazem nas costas
a febre dos filhos.
Podemos sentir o rosto perturbado
das crianças que nos mostram a boca
mordida pela fome.
Podemos querer de volta o fascínio
dos papagaios de papel e do tempo
em que não faltava ninguém
nas fotografias da família.

Graça Pires
in "O silêncio: lugar habitado"

.

2 comentários:

HSLO disse...

não gosto da solidão, mas convivo com ela.


abraços
de luz e paz

Hugo

Milene Sarquissiano disse...

Tamanha delicadeza em meu blog só poderia ter vindo mesmo de uma FLOR.

Que teu jardim seja sereno e perfumado sempre.

Adorei a visita.

bjão

Milene

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página