"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

terça-feira, 2 de setembro de 2008

"Saudade"

.
.
De mansinho pousa suas asas
em nossas emoções.
Sem a menor sensibilidade
assenta-se em amores perdidos,
em almas pungidas
onde retinem sons antigos,
sonhos concebidos,
mas não vividos...
É o canto triste do amor
que desencantou,
o acalanto onde deflui o pranto.
É o passado presente, latente,
no melindrado coração
que se ressente.
É dor que não se vê,
sem ter cura, num eterno doer.
É ferida que não cicatriza,
marcas das mazelas da vida.
Saudade...Temporada de partida...
Encontros que se desfizeram,
desencontros que revelam
neste curto espaço de tempo,
onde a existência nos escapa.
É a esperança oculta
na lágrima que cai lenta.
É a felicidade irrompendo
em puro desalento.
.
Anna Peralva

Nenhum comentário:

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página