"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quinta-feira, 26 de março de 2009

"De Rosas"

.
imagem daqui
.
Brindemos, amantes, a cada manhã
com um suave tilintar de pétalas,
com o mais fino licor de uma rosa
tão finita e sempre viva,
tão óbvia e super nova,
tão dolorosamente espinho
e ainda amorosamente rosa:
eis o amor em sua mais redundante
e ainda irretocável metáfora -
todo o resto é meramente prosa.
.
Fernando Campanella
.

14 comentários:

Identidade Capixaba / Fotografia disse...

Que lindo !
Confesso...As rosas e aos leitores, sou apaixonado por este blog.

Antonio Cosme

A Palavra Mágica disse...

Flor,

Bindemos ao amor!

Beijos!
Alcides

Cleo disse...

Florzinha, que delícia ler o poema ouvindo Noturno de Chopin. Só você mesma com esta sensibilidade toda.

"A música é a linguagem universal - não precisa ser traduzida: é assim que a alma do artista te fala ao coração." ( Chopin)

Lembrei desta frase e deixo aqui prá ti. e do Chopin, que linda.

Beijos com carinho.
Cleo

Cleo disse...

corrigindo: é do Chopin a frase.

Cris disse...

Querida,

Como gosto de um poeta competente que sabe construir em palavras , o que faz com os pensamentos.
O óbvio pode ser novo sim, amorosamente reinventado.

Beijão.

Flor ♥ disse...

Antonio Cosme,

Que bom que vc gosta!
Este é o estilo do Interludio: partilhar boa poesia diariamente, com uma bela música a cada dia!
Você é sempre bem vindo! Agradeço pelo seu comentário gentil!

Bjs.

Flor ♥ disse...

Alcides,

tim-tim, meu amigo!

Bjs.

Flor ♥ disse...

Cleo,
também gostomuito dessa música. Chopin sabia como fazer poesia com os sons!

Beijos!

Flor ♥ disse...

Cris,

Fernando Campanella é um poeta como poucos... seus versos são um carinho na alma!

Beijos!

DILERMArtins disse...

Mas bah, guria.
Rosas e amor, sempre.

Ana Tapadas disse...

Adorei este poema, minha amiga. Ele tem o ritmo do meu peito.
Tem um bom Sábado.
Beijinho

Flor ♥ disse...

Oi, Diler!

Um pouco de amor e carinho prá ti!

Bjs.

Flor ♥ disse...

Oi, Aninha!

Este poema é de um poeta que admiro muito, e tem uma obra impressionantemente bela!

Beijos e bom final de semana!

Antonio Carlos Januario disse...

Flor, parabéns por esse lindo espaço, esse canto tão lindo e mágico q criastes, com tão lapidadas pedras! Demais!
"Rosas" de F. Campanella é uma verdadeira canção. Lindo e leve, tal como uma rosa... bjs

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página