"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quinta-feira, 24 de julho de 2008

"Frio Freio"

.
.
Tanto desconforto em suas minhas palavras
Atropelamos sentimentos e causamos graves acidentes
Contornamos angústias e sofrimentos
Leis e sinais nos impedem de chegar
Novos combustíveis são necessários
Estamos vulneráveis e sinto frio
Freios meus e seus
Por chegar, placas e sinais a mostrar
Frio e freio
Tempo e passeio
Freamos?
Parei e cansei
Desisti e desci
A rodovia continua
Virei à direita
Quebrei a esquerda
Continuo a viagem
Não mais vejo seus freios,
Sinto o meu frio e a impossibilidade de seguir junto.
.
Lúcio Barros

Um comentário:

Sonia Regly disse...

Linda Amiga
Tê, post novo lá no Compartilhando as Letras.Apareça por lá!!!!!Beijinhos

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página