"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quarta-feira, 24 de junho de 2009

"A Meu Favor"

.
.
A meu favor
Tenho o verde secreto dos teus olhos
Algumas palavras de ódio algumas palavras de amor
O tapete que vai partir para o infinito
Esta noite ou uma noite qualquer
A meu favor
As paredes que insultam devagar
Certo refúgio acima do murmúrio
Que da vida corrente teime em vir
O barco escondido pela folhagem
O jardim onde a aventura recomeça.
.
Alexandre O'Neill

.

4 comentários:

Ana Tapadas disse...

Querida amiga:
Como gosto deste poema de O'Neill!
Que bom começar a ler o mail e vir aqui deixar um beijo e ler ...
beijão

Vista-se de Azul. disse...

Doce Flor,

Esta semana os olhos estão a nos inspirar...
abusei deles em meus post, e agora encontro esse lindo olho verde em seu blog.
Que delícia! Belo poema!

Beijos!
Glaucia.

Flor ♥ disse...

Ana, O'Neil sempre consegue emocionar... também o amo!

Beijo e uma noite especial prá ti!

Flor ♥ disse...

Glaucia, adoro olhares... são plenos de mistérios e segredos!

Boa quinta-feira prá ti!

Bjs.

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página