"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

.
.
Precário, provisório, perecível;
Falível, transitório, transitivo;
Efêmero, fugaz e passageiro
Impuro, imperfeito, impermanente;
Incerto, incompleto, inconstante;
Instável, variável, defectivo
Não feito, não perfeito, não completo;
Não satisfeito nunca, não contente;
Não acabado, não definitivo
Eis-me aqui.
Vivo.

Caio Fernando Abreu

.

5 comentários:

DILERMArtins disse...

Mas bah, guria.
Inacabado, sem tocar a estrela e com um ovo na mão...
Vc está caustica por esses dias, mas com sçempre de bom gosto.
Parabéns e obrigado.

HSLO disse...

Bem vivo....bem intenso.

Mateus Araujo disse...

quanta palavra pra descrever uma vida não?!
e quantas ainda faltam!
bjo amour

Sonhadora disse...

Minha querida Flor
belissimo poema...muito profundo.

beijinhos

Fernando Campanella disse...

Oi, Flor, o Caio disse de uma linda maneira, o que me passa dentro da alma: poesia é isso.
Bjos, obrigado pelos comentários lá no meu blog de fotos, tão apagadinho, rs.... Até mais.

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página