"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

"Minha Grande Ternura"

.
.
Minha grande ternura
Pelos passarinhos mortos;
Pelas pequeninas aranhas.

Minha grande ternura
Pelas mulheres que foram meninas bonitas
E ficaram mulheres feias;
Pelas mulheres que foram desejáveis
E deixaram de o ser.
Pelas mulheres que me amaram
E que eu não pude amar.

Minha grande ternura
Pelos poemas que
Não consegui realizar.

Minha grande ternura
Pelas amadas que
Envelheceram sem maldade.

Minha grande ternura
Pelas gotas de orvalho que
São o único enfeite de um túmulo.

Manuel Bandeira

.

4 comentários:

Andradarte disse...

Tristes e duras realidades.
Beijo

Nosso ! Blog disse...

Manuel Bandeira vale a pena ler

Obg por passar no blog
Volte sempre..
Abraço

Estrela vespertina...turbulenta! disse...

olá mais bela flor!!!
"...Minha grande ternura
Pelos passarinhos mortos;...
...Pelos poemas que
Não consegui realizar..."
sabe que uma vez eu vi uma pombinha agonizando,fiquei tão triste,meus olhos encheram de lágrimas é como se eu sentisse a dor dela e quanto ao outro verso que citei é que muitas vezes pensamos em poemas,palavras como transportar ao papel versos e muitas vezes não se consegue este ato e sabemos que ficaremos sem realizar um simples poema.

e quanto ao patinho não é meu mas é de uma tia minha até pensei em trazer mas a viagem seria muito longa e ele não aguentaria e sempre quis um pato e estou pensando na possibilidade de pegar um para criar porém eles precisam de espaço neh?!
boa noite!!!

Fernando Campanella disse...

Bom dia, querida Flor. Maravilha, o poema do Bandeira, na singeleza um monumento de poesia. Linda a música 'Dust in the wind', tudo a ver com o poema do Bandeira. Integração na arte, isso faz teu espaço ficar tão aconchegante, tem muito de tua criação. Bjos.

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página