"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

terça-feira, 13 de abril de 2010

"Noite"

.
fotografia JucaFii
.
É noite na aldeia.
No céu a lua cheia!
Tudo dorme no povoado
E a noite, com seu manto de brocado,
Vai caminhando...
Vai derramando...
Trevas em seu caminho.
E a lua, chorando baixinho,
Fica pensando...
Fica chorando...
Lágrimas de cristal!
Encanto doce, celestial.
É noite na natureza,
Bélica, com singeleza.
Noite triste, noite calma...
É noite na minha alma.


.

5 comentários:

Agulheta disse...

Amiga Flor! Que bonito poema"Noite" ela tem sempre aquele encanto,com lua ou sem ela,e mesmos quando o silêncio adormece...adorei.
Beijinho de amizade Lisa

HSLO disse...

Eu amo a noite...sou mais livre.


abraços

Hugo

Mariângela disse...

a noite guarda alguns segredos....e escancara outros...lindo poema.

Ana Tapadas disse...

Querida Flor:
Obrigada pela preferência. Nem mereço as palavras e o destaque.
Considero-te já uma amiga de longa data, por isso aqui fica o meu beijinho de amizade.

Fernando Campanella disse...

Belo poema da Ana, muito doce e lírico. Bjos.

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página