"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quinta-feira, 7 de outubro de 2010


Fotografia de Mário Quintana

Convivência entre o poeta e o leitor,
só no silêncio da leitura a sós.
A sós, os dois. Isto é, livro e leitor.
Este não quer saber de terceiros,
não quer que interpretem,
que cantem, que dancem um poema.
O verdadeiro amador de poemas
ama em silêncio...

Mário Quintana



4 comentários:

Analuka disse...

Quanta suavidade, delicadeza e luz encontro neste lugar! Doçura para acalmar e alegrar a alma... poeira de poesia... chuva de letras aladas, pétalas translúcidas, penas e nuvens, pausas e melodias para embalar os pensamentos, as pulsações do peito, as esperanças de que um dia haja um lugar livre de violência e aspereza... Abraços alados.

Mariângela disse...

maravilhoso Quintana!!!
beijos

Ana Tapadas disse...

Quintana diz de forma poética verdades incontestáveis.
Beijinho querida Flor

lis disse...

Mário Quintana um amador de poemas.
também sou como Quintana , amo poesia Dalva e muito silencio rs
abraços e bom sábado

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página