"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

.
.
Aceitarás o amor como eu o encaro?
Azul bem leve, um nimbo...
Não desejo
Também mais nada, só te olhar...
O encanto
Que nasce das adorações serenas.
.
Adélia Prado

3 comentários:

Mel disse...

Porque o amor tem que ser assim, terno, doce... Azul!
Que coisa linda!
Beijos

Serena Flor disse...

Adélia Prado é o máximo! Seus poemas são muito lindos. Ótima escolha...parabéns!
Um beijão e uma linda Sexta pra você minha querida!

Georgia Aegerter disse...

Oi, estou vindo aqui te avisar que os posts sobre a blogagem coletiva estao todos em um único blog para faciliatr que deseja lê-lo.

O seu também está lá.

Entao, dá uma passadinha por lá vê se está tudo bem prá você como tudo ficou por lá com o seu post.

Aqui o link do blog: http://blog-blogagem.blogspot.com/

Te desejo um ótimo final de semana.

Abracos do Dácio e da Georgia

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página