"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Fotopoema - Alice Ruiz

.
.

5 comentários:

A Palavra Mágica disse...

Flor,

Esse poema parece a fusão e a confusão, a união de idéias brilhantes de Paulo Leminski e Alice Ruiz.
Textos breves cheios de significados e possibilidades.

Beijos!
Alcides

Flor ♥ disse...

Oi,Alcides... gosto desse jeito da Alice fazer poesia... seu jeitão áspero escondido atrás da doçura dos versos que tão bem constrói. E seus versos também muito sucintos, lembram o estilo de Leminski.

Beijos!

janelasdavida disse...

O silêncio e a solidão ajuda a descobrir quem somos e o que amamos... Teu blog, belo como sempre! Desculpe a demora em te visitar! Eu estive muito ocupado nos últimos dias! Beijos!!!

Flor ♥ disse...

Janelas da Vida...

Agradeço pelo teu carinho...~Bjs.

Gaspar de Jesus disse...

Minha amiga FLOR
Pensei que já tivesse visto essa postagem.
Essa exposição foi a melhor das 16já realizadas, o que me deixou muito feliz.
Quanto ao seu pedido, é claro que pode usar as minhas fotos sim.
Esteja à vontade.
Bjs
G.J.

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página