"Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa..."

Manuel Antonio Pina

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Fotopoema - Flora Figueiredo

.
.

8 comentários:

Serena Flor disse...

Uau...adorei isto!
Vou copiar...pode?hahaha
Beijo minha querida e um dia mais que maravilhoso pra você! Seu cantinho continua uma beleza!
Beijos.

A Palavra Mágica disse...

Flor,

Me lembrei de uma música do Lulú Santos:

"Fazer da minha vida sempre o meu passeio público
E ao mesmo tempo dela fazer o meu caminho
Só complicou"

Acho melhor deixar a porta fechada. Assim evito uma tempestade indesejável.

Vou deixar um recado à amizade e ao amor:
"Entrem sem bater"

Beijos!
Alcides

Flor ♥ disse...

Oi, Serena. A Flora Figueiredo sempre nos brinda com seus versos fortes, que nos tocam fundo, querendo fazê-los nossos...

Beijos!

Flor ♥ disse...

Alcides,

disseste tudo: o amor deve sempre encontrar a porta aberta... entrar sem bater, se instalar...

Beijos!

Mel disse...

É verdade...

...

:) Beijos, Flor!
Mel

Flor ♥ disse...

Melzinha... tava com saudades de ti...
.
.
.

Cris disse...

Quão lindas e verdadeiras , essas palavras, Flor. Amei!

Vim buscar meu selinho e te agradecer por mais esse carinho.

Obrigada, linda!

Flor ♥ disse...

Beijo, doce Cris...
.
.
.

Interlúdio com ...

Will You Still Love Me Tomorrow - Norah Jones

Will You Still Love Me Tomorrow

Norah Jones

Tonight you're mine completely
You give your love so sweetly
Tonight the light of love is in your eyes
Will you still love me tomorrow?

Is this a lasting treasure
or just a moment pleasure?
Can I believe the magic of your sight?
Will you still love me tomorrow?

Tonight with words unspoken
You said that I'm the only one
But will my heart be broken
When the night meets the morning sun?

I like to know that your love
This know that I can be sure of
So tell me now cause I won't ask again
Will you still love me tomorrow?

Will you still love me tomorrow?
Will you still love me tomorrow?...

Postagens populares

Total de visualizações de página